> Elisa entre gotas de poesia: Canto primaveril

Canto primaveril




Eu não sei por que
Mas já chegou a Primavera
E um dia eu acordei
Sem querer
E vi passarinhos
Cantando em minha janela
Borboletas à minha espera
Garota sincera
Quem pudera
Eu fui passear
Pelo parque
E não avistei mais
Aquela moça
Com uma echarpe
Colorida
Deve estar em algum lugar
Apreciando margaridas



Com a chegada da Primavera
Eu escuto um canto
Primaveril
O sol faz desabrochar
As semestes
De girassóis
Que se misturam
Com as violetas
Uma cor azul anil
O Outono já foi embora
Eu continuo
Passeando pelas
Esquinas
Da minha cidade
Colhendo pitangas
Catando amoras
Até parece
Ninguém mais chora
Todo mundo comemora
A estação dos vestidos floridos
A estação do amor
E lá de longe
Eu posso ver
Um beija-flor
Namorando
Em um galho de árvore
Escondido
Entre tantos frutos
E folhagens
Abelhas voam sem sentido
Procurando
Uma gota de néctar
De um mel açucarado
Que dia bonito
Que dia ensolarado
Uma janela
Onde passarinhos cantam
O som da Primavera



0 comentários:

Postar um comentário