> Elisa entre gotas de poesia: A salada

A salada








Salada  para acompanhar?
Já vou servir o jantar!
Uma tacinha de vinho?
Branco ou tinto?
Por gentileza
Sirva logo esta salada
Que eu estou faminto!
Na salada
Nenhuma pitadinha de sal!
Só se for rosa ou marinho
Pepino ou azeitonas?
Ricota, palmito e pimentão
E o tempero?
Vinagrete ou óleo de oliva?
Limão
Para temperar o atum!
Suco de uva?
Nunca vi ninguém temperar
A salada com rum!
Rum?
Rúcula, alface, ou couve-flor?
Já ouvi dizer
Que quem come salada
Não morre de amor!                                                                    



Garçom!
Sim, senhor?
De tomate ou beterraba?
Pode ser apenas com
Cenoura ralada!
Molho mostarda?
Maionese com salsinha?
Espinafre, tempero verde ou cebolinha?
Brócolis, cogumelos, folhas de hortelã
Garçom,
Por gentileza
Poderia me passar o vinagre de maçã?
Tomate cereja e ovo de codorna
Para decorar as hortaliças
Ervas aromáticas
Suco de laranja
Um pouquinho de coentro...
Garçom
Serve logo
Essa salada mista!


6 comentários:

  1. Oi
    Adorei 👏 parabéns.
    Salada é maravilhosa e acompanhada com poesia fica excelente ☺
    Bjo

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pelo dom, o jogo de palavras, adorei!
    Beijos,
    Alessandra
    www.alessandrices.com

    ResponderExcluir
  3. que legal, amei essa forma de "saborear" salada em forma de poesia
    amei
    bjs

    ResponderExcluir
  4. Alimentar a alma é preciso, amei a poesia!
    Parab[ens pela criatividade!
    Bjs ❤
    Minda

    ResponderExcluir
  5. Adorei a poesia, muito criativo, será que quem come salada não morre de amor? rs
    Parabéns.

    ResponderExcluir