> Elisa entre gotas de poesia: Outubro 2016

O palhaço




Respeitável público
O palhaço de nariz vermelho
Desaparece e
Aparece atrás do espelho
E tira um coelho
Da sua cartola!
O palhaço Trampolim
Dança, requebra e rebola!
Ele sorri
Ele chora
Vira cambalhota
Gira e vai embora!

Na sala de aula






Lápis, borracha e caderno na mão!
Alguém tirou um 10!
Alguém tirou um 0!
Presta atenção!
Desculpa professora,
Meu lápis caiu no chão!
Prova de redação!
Não olhem para o lado
Parem de conversar...
Ana Lúcia, Valentina e Bernardo!
Hora do ditado!
Fecha a cortina!
Silêncio!
Faltou o Lourenço?

Doces







Doces...
Quindim, cocada, ovos moles
Pudim, rabanada,rapadura,
Que delícia!
Que doçura!
Branquinho
Negrinho
De copinho
De colher!
Você quer?
Merengue, doce de leite,
Leite condensado,
Chico Balanceado
Bem Casado?

Eterna criança








Ser criança é tão bom
Dormir, brincar, comer bolacha,
Comer bombom
Comer mingau
Tomar Nescau
Ouvir uma música,
Escutar um som
Brincar de esconde-esconde,
De passar batom
Brincar de casinha
Pular amarelinha
Pedir tudo no supermercado
Ser um sortudo
Ou um azarado!

Infinitos amores








Amar, amor, amado,
Casamento, um rolo,
Ou um só namorado?
Um príncipe encantado? 
Um beijo roubado?
Um caso?
Amor por acaso...
Ou amor por acidente?
Amor ausente
Amor de gente
Amor que me pertence
Namoro à distância
Saudades...
Algumas lembranças...

Na cafeteria



Na cafeteria
Eu peço uma torta
Enquanto ele me olha
E manda uma bitoca
Mas eu nem vi
Para aonde a bitoca foi
Pois estava ali
De olho na torta
Nega Maluca?
Ou Marta Rocha?
Talvez uma de bombom
Ele me olha novamente
Bebericando um cappuccino
Enquanto eu retoco o rímel e o batom
Eu fico pensando:
Ai que lindo aquele menino
De cabelos escuros, meio marrom
De olhos amendoados
Será que ele é casado?
Está vestindo um casaco vermelho
Eu continuo a me olhar no mini espelho
De coração rosa antigo
Será que ele quer algo comigo?
Deseja mais um pão de queijo?
Outro beijo?
E para aonde foi essa bitoca?
Será que foi pra mim?
Ou para aquela outra menina sentada ao lado
De sotaque carioca?
Ele pede mais um café
Um expresso duplo
E eu peço mais um suco
Será que eu vou até lá
E digo um oi?
Pergunto quem é?
Melhor não...
Jogo um charme
Faço um cafuné nos cabelos
Com perfume de essência de mirra
Oh, ele pediu uma esfirra de tomate seco
Com espinafre e queijo suíço
E eu?